Acontece, Copa Truck

FPT Industrial acelera os caminhões da Iveco na terceira etapa da Copa Truck

Neste fim de semana, Londrina, no Paraná, recebe pela primeira vez a Copa Truck, maior competição de caminhões do Brasil. A FPT Industrial participa da terceira etapa da temporada 2019 acelerando os caminhões IVECO dos pilotos Djalma Pivetta (#21) e Felipe Giaffone (#4), da equipe Usual Racing, Luiz Lopes (#99) e Fabio Carvalho (#100), da Lucar Motorsport, e Jaidson Zini (#25), da Dakar Motorsport.

Sob o capô, os pesados trazem o desempenho do FPT Cursor 13, disponível nos IVECO Hi-Road (com potências de 400 cv e 440 cv) e Hi-Way (440 cv, 480 cv e 560 cv). Para a Copa Truck, a potência chega a 1.200 cv por meio de uma preparação especial, permitindo que os caminhões alcancem velocidades de até 250 km/h na pista.

A etapa de Londrina marca o início da Segunda Copa. A temporada da categoria é dividida em copas, que classificam os três melhores colocados para a etapa final da temporada, que ocorre no Autódromo de Interlagos (SP), em dezembro. A Primeira Copa incluiu as corridas em Goiânia (GO) e Campo Grande (MS), enquanto a Segunda engloba as corridas de Londrina e Curvelo (MG).

Entre os pilotos que aceleram os propulsores da FPT Industrial, o destaque é Felipe Giaffone. Campeão em 2017, o piloto fez a pole position na etapa inaugural, em Goiânia, e registrou bons resultados nas quatro corridas das duas etapas. Assim, Giaffone garantiu o segundo lugar geral na Primeira Copa, com classificação assegurada para a Grande Final, em dezembro.

Cursor 13: Desempenho extraordinário

Com 12,9 litros, o FPT Cursor 13 se distingue pelo extraordinário desempenho combinado com uma redução do consumo de combustível e torque máximo disponível em baixas rotações. O turbocompressor de geometria variável controlado eletronicamente (E-VGT) permite torque de até 2.500 Nm disponível em baixa rotação de apenas 1.000 rpm, o que garante um nível superior de flexibilidade e eficiência de combustível.

O especialista de Marketing Produto da FPT Industrial, André Faria, destaca que competições como a Copa Truck servem para avaliar o desempenho dos motores presentes nos caminhões comerciais. “A Copa Truck coloca à prova a performance dos nossos motores sob altas exigências. Esse mesmo espírito está presente nos caminhões de rua. Resistência, eficiência e alta tecnologia são atributos reconhecidos da FPT Industrial”, afirma.

Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.