Motor FPT F1A: sob medida para as missões de entregas urbanas

Um dos maiores sucessos da categoria, o motor FPT F1A, da FPT Industrial, é sinônimo de confiabilidade e máximo rendimento para o dia a dia das entregas urbanas. Resultado dos mais de 35 anos de experiência da marca da CNH Industrial na fabricação de produtos para veículos comerciais leves, o propulsor produzido em Sete Lagoas (MG) consome até 10% menos combustível do que concorrentes, sendo pensado, sob medida, para atender a crescente demanda de e-commerce no Brasil, em um momento de desafios para diversos segmentos, como restaurantes, supermercados e empresas de eletroeletrônicos.

Presente nos Fiat Ducato e IVECO Daily City, o FPT F1A foi desenvolvido seguindo os critérios das missões de entregas urbanas, com longos intervalos de manutenção. Compacto, com 2,3 litros, 16 válvulas, quatro cilindros e 130 cavalos de potência, foi precursor na tendência global de downsizing, de motores menores e mais leves mas com maior agilidade e desempenho.

O conforto do motor é comprovado pela sensação de estar dirigindo um automóvel, bem como um funcionamento com baixas vibrações e ruídos, em média até 5 Db inferiores a outros motores equivalentes. A distribuição de torque e potência é feita de forma inteligente, para que as rotações e o baixo consumo sejam privilegiados em qualquer situação de uso. Tais características tornam o veículo mais agradável de dirigir, resultando em maior produtividade.

“Com estes atributos, o FPT F1A garante versatilidade à qualquer aplicação, atendendo com eficácia as novas demandas. A FPT Industrial é uma marca com um amplo portfólio. Seguimos desenvolvendo tecnologias e soluções que atendam à diferentes nichos do mercado”, afirma o especialista de Marketing Produto da FPT Industrial, André Faria.

DESEMPENHO E MENORES CUSTOS DE MANUTENÇÃO

O FPT F1A vem equipado com injeção eletrônica Common Rail de última geração, sistema de válvula hidráulica que dispensa manutenção e sistema de admissão de ar avançado, projetados para ser os melhores da classe em qualquer aplicação. Os turbocompressores são configurados a minimizar o consumo e proporcionar uma resposta de aceleração imediata.

Os sistemas de refrigeração e turbocompressor contribuem de forma significativa para a eficiência termodinâmica do propulsor, bem como para a leveza de funcionamento e as dimensões reduzidas, resultando em manutenções mais fáceis e rápidas.

Além disso, o sistema EGR, que recircula os gases de escape, é a solução disponível mais robusta para manter as emissões dentro dos limites estabelecidos pela norma Proconve L6/Euro 5. Dessa forma, o motor da FPT Industrial dispensa a necessidade de utilização do Arla 32, o que, associado ao baixo consumo de combustível, torna o custo de manutenção um dos menores da categoria.

“O FPT F1A carrega o DNA inovador e a experiência da FPT Industrial, líder no segmento, com mais de 300.000 unidades da Família F1 produzidas no último ano no mundo”, reforça o diretor de Engenharia da FPT Industrial, Alexandre Xavier.

Como calcular cilindradas de um motor FPT

Vamos relembrar o que é Cilindrada.

A cilindrada é o volume varrido por um pistão dentro de um cilindro entre o ponto morto superior (PMS) e o ponto morto inferior (PMI), consecutivamente para uma ida e volta.

Cálculo da Cilindrada

O cálculo da cilindrada parte de dois dados normalmente conhecidos num motor a pistões: o diâmetro e o curso. A partir da fórmula da área do círculo em função do raio, obtém-se a mesma em função do diâmetro:

Para determinar o volume do cilindro gerado pelo movimento do pistão (Volume Máximo da Câmara de Combustão) também chamado volume deslocado ou cilindrada unitária, basta multiplicar a área do pistão pelo respectivo curso(C).

A cilindrada do motor resulta do produto da cilindrada unitária pelo número de cilindros do motor(N).

No caso da FPT Industrial, em seus produtos, possui motores nas configurações de 3, 4, 6 e 8 cilindros.

Vamos fazer um exercício prático!

Vamos calcular a Cilindrada de um motor N67, no passado conhecido com NEF 6 ID, de Increased Displacement, ou seja, Cilindrada Aumentada. Ele é um motor de seis (6) cilindros com diâmetro (D) de 104 mm e curso (C) de 132 mm (10,4 cm x 13,2 cm):

Existe motor Cursor 13 com Common Rail?

A FPT Industrial  está em constante evolução para entregar a seus clientes produtos de excelência, e com nosso querido CURSOR 13 não seria diferente!

É fato que o motor CURSOR 13 é um sucesso! Devido sua tecnologia embarcada e toda a performance oferecida. A última modificação significativa, foi a adoção do sistema de Injeção Common Rail e cabeçote todo redesenhado pra receber essa tecnologia.

As primeiras versões de motor Cursor 13 com o Common Rail, começaram a ser comercializadas em 2015 na Europa com a implementação das diretrizes de emissão de gases Euro 6/VI.

Hoje temos motores CURSOR 13, nas mais diversas aplicações, como agricultura, marítima e geração de energia.

A partir de 2020 tornará mais comum ver esses modelos de motores com tecnologia Common Rail na América do Sul.

Uma das vantagens da tecnologia Common Rail é o cabeçote específico.

Os cabeçotes compatíveis com a tecnologia Common Rail, utilizam o conceito de projeto Clean, com menos peças móveis. Isso facilita nas operações de manutenção e ajuste do motor.

Outra vantagem dos cabeçotes da linha CURSOR é que todos seus componentes ficam dentro do próprio cabeçote, não havendo componente de transição com o bloco do motor.

ESPECIFICAÇÕES DO MOTOR

  • Marca /Modelo: FPT Industrial / C13
  • Cilindrada Total: 12.9L (12998cc)
  • Range Potência:  410 a 999 cv @ 1900rpm
  • Torque Máximo: 2003 a 3355 Nm @1500rpm
  • Número de cilindros: 6 em linha
  • Número de Válvulas: 24
  • Ciclo: Diesel – 4 tempos
  • Combustível: Diesel (Compatível S-10 e S-500)
  • Diâmetro x Curso: 135mm x 150mm
  • Tipo de Aspiração: Turbocompressor com Intercooler
  • Tipo de Turbo:  WG / eVGT / 2ST /
  • Taxa de compressão: 17,0:1
  • Tipo de Comando de Válvula: OHC
  • Sistema de Injeção: Eletrônico Alta Pressão – Common Rail
  • Capacidade do Cárter: 35L (Nível Máximo)
  • Peso Drenado: 1000 a 1240kg
  • Emissão: Euro VI / Tier 3 & MAR-I / Tier 4B / Stage V
  • Controle de Emissão: Light SCR / HI-eSCR e HI-eSCR 2.

FPT de volta às pistas no Mundial de MotoGP

Desempenho, confiabilidade e potência, como também pesquisa avançada, paixão pelo desafio e pela competição no mais alto nível tecnológico. Estes são os valores que unem a FPT Industrial e a Aprilia Racing e que levaram a marca da CNH Industrial a se tornar parceiro oficial do departamento de competição da equipe de Noale, na Itália, no Mundial de MotoGP, campeonato que representa o mais alto nível tecnológico das competições de motociclismo.

A logomarca da FPT Industrial estreia nas pistas estampada nas novas motos Aprilia RS-GP pilotadas por Aleix Espargarò e Bradley Smith, a partir de 19 de julho no Grande Prêmio da Espanha, que será realizado no circuito de Jerez, e acompanhará as motos, os pilotos e toda a equipe Aprilia Racing nas etapas de um campeonato que, por motivos óbvios, será extremamente emocionante e competitivo até a última bandeirada. Parte do Gruppo Piaggio, a Aprilia conta com 54 títulos mundiais e, com 294 Grandes Prêmios conquistados no Campeonato Mundial de Motociclismo, detém o recorde de vitórias entre os fabricantes europeus na história da máxima competição motociclística. Na espera do início da temporada, os fãs da Aprilia e todos os amantes dos motores que se inspiram no mundo da FPT Industrial puderam testar “virtualmente” a nova Aprilia MotoGP na versão Powered by FPT, pilotando e descobrindo as curvas do circuito de Mugello, também na Itália. De 23 a 30 de maio, os aspirantes a pilotos de Grandes Prêmios puderam desafiar um videogame criado especialmente para a ocasião, o famoso e-gamer eleghost555, tentando bater o recorde na volta do prestigiado e temido circuito toscano. Os milhares de jogadores que participaram do desafio e o entusiasmo aspirado nas redes sociais são uma ótima pré-estreia das grandes emoções que serão vivenciadas na pista com a FPT Industrial e a Aprilia.

“Na FPT Industrial, nos sentimos em casa também nos circuitos da MotoGP. Aguardamos ansiosos o início do Campeonato Mundial para acompanhar a Aprilia Racing na pista e celebrar também o Made in Italy, especialmente depois de um período tão difícil. Juntos, queremos nos tornar um dos motores da retomada”, afirma Carlo Moroni, responsável pela Comunicação da FPT Industrial.

A marca adora desafios. Anteriormente, bateu o recorde de velocidade sobre a água com o motor Cursor 16 marítimo, com o qual alcançou 277,5 km/h, subiu no pódio do histórico Rally Dakar com o Cursor 13 e equipou, com o motor N67, a colheitadeira que, na Austrália, colheu 197,6 toneladas de uvas em oito horas, o que corresponde a cerca de 200.000 garrafas de
vinho Shiraz.

“A parceria com a FPT Industrial assume um caráter especial justamente porque nasceu em um ano difícil não apenas para o Motorsport, como também para a MotoGP, a indústria italiana e mundial”, afirma Massimo Rivola, CEO da Aprilia Racing. “Representa, portanto, muito mais do que um forte sinal de retomada: é a prova da força e da determinação de duas marcas italianas que colaboram para competir no momento mais difícil em um campeonato de altíssimo nível, unidos pela paixão do desafio”.

Confira o calendário da MOTO GP 2020:

1ª ETAPA – 19 de julho de 2020 – GP da Espanha – Jerez
2ª ETAPA – 26 de julho de 2020 – GP de Andaluzia – Jerez
3ª ETAPA – 09 de agosto de 2020 – GP da República Tcheca – Brno
4ª ETAPA – 16 de agosto de 2020 – GP da Áustria – Red Bull Ring
5ª ETAPA – 23 de agosto de 2020 – GP da Estíria – Red Bull Ring
6ª ETAPA – 13 de setembro de 2020 – GP da San Marino – Misano
7ª ETAPA – 20 de setembro de 2020 – GP de Emilia-Romagna– Misano
8ª ETAPA – 27 de setembro de 2020 – GP da Catalunha – Barcelona
9ª ETAPA – 11 de outubro de 2020 – GP da França – Le Mans
10ª ETAPA – 18 de outubro de 2020 – GP da Aragão – MotorLand
11ª ETAPA – 25 de outubro de 2020 – GP da Teruel – MotorLand
12ª ETAPA – 08 de novembro de 2020 – GP da Europa – Ricardo Tormo
13ª ETAPA – 15 de novembro de 2020 – GP de Valência – Ricardo Tormo

Também constam 4 etapas não canceladas no calendário do site oficial: Estados Unidos, Argentina, Malásia e Tailândia! Vamos aguardar!

Família F5: Flexibilidade para máquinas compactas

Uma família de motores leves, de baixo peso e última geração, que acompanha a tendência global de downsizing e assegura o melhor desempenho da classe da agricultura à construção, passando pela geração de energia. Essa é a Família F5 da FPT Industrial, composta dos motores FPT F32, de 3,2 litros, e do FPT F34, de 3,4 litros, que aliam baixo custo operacional, fácil manutenção e desempenho excepcional até mesmo nas condições mais exigentes.

Disponível em configurações de quatro cilindros de 58 cv a 115 cv de potência, injeção mecânica ou eletrônica Common Rail, esta família se destaca pela alta densidade de potência e torque, com respostas rápidas e precisas em baixas rotações e consumo de combustível até 6% inferior aos principais concorrentes.

FPT F32

Em todo o mundo, os motores FPT F5 estão presentesem mais de 1.500 aplicações, atestando a experiência da FPT Industrial, líder em tecnologias powertrain que move um a cada quatro tratores vendidos no Brasil.

“O amplo leque de configurações torna a Família F5 adequada para uma grande variedade de aplicações, desde máquinas de construção compactas até aplicações industriais, bem como tratores agrícolas. A série sintetiza o que há de mais avançado em pesquisa e desenvolvimento, reforçando o DNA inovador da marca”, afirma o diretor de Engenharia da FPT Industrial, Alexandre Xavier.

PARA AS MISSÕES MAIS EXIGENTES

Concebida tendo em conta as necessidades dos clientes, os propulsores apresentam interfaces amigáveis e simples para manutenção, uma vez que reparos de filtros podem ser efetuados em somente um dos lados do conjunto, assegurando operações fáceis, rápidas e seguras. Juntamente com um desempenho excepcional e longos intervalos para trocas de óleo, as vantagens tornam a Família F5 preparada para as missões mais exigentes, como operações em inclinações elevadas e arranque a frio sob temperaturas de até -25°C.

O motor FPT F32, com injeção mecânica e turbocompressor de geometria fixa, utiliza soluções técnicas testadas e comprovadas, fornecendo o equilíbrio perfeito entre desempenho e facilidade de manutenção.

De maior cilindrada e injeção Common Rail, o motor FPT F34 reúne potência e o melhor torque da categoria. Os sistemas E-EGR (Recirculação de Gases de Escape) com arrefecimento externo eDPF (Filtro de Partículas de Diesel) asseguram o melhor desempenho da classe para
máquinas de dimensões compactas.

FPT F34

MÁXIMA RESISTÊNCIA À RUÍDO E VIBRAÇÕES

A Família F5 está disponível em versões estruturais e não estruturais. A primeira delas, com cabeçote em ferro fundido, é pré-requisito para aplicações agrícolas, de forma a maximizar a
resistência da estrutura e reduzir o ruído e a vibração.

Na América do Sul, os motores equipam tratores agrícolas da Case IH e New Holland Agriculture, e minicarregadeiras da CASE e New Holland Construction, marcas que fazem parte da CNH Industrial. Também estão presentes em diversas aplicações para as demais marcas do mercado.

“A série F5 representa a solução compacta e flexível para aplicações leves e intermediárias, garantindo alto desempenho com baixos custos operacionais”, reforça o especialista de Marketing Produto da FPT Industrial, André Faria.

MODULÁVEL PARA INSTALAÇÕES DE ENERGIA

Os motores FPT F32 e FPT F34 para geração de energia tem dimensões reduzidas, se adaptando ao local de instalação de forma modular. De série, vêm equipados com ventoinha de velocidade fixa. Opcionalmente, podem ter regulador eletrônico, que mantém regime de velocidade constante independentemente da carga, assegurando o fornecimento de energia
em qualquer situação.

Websérie Dicas do Reinaldo responde suas dúvidas

No sexto episódio da websérie Dicas do Reinaldo, o Reinaldo traz um conteúdo especial para você que acompanhou os vídeos e enviou perguntas pra gente! Hoje ele responde às perguntas mais frequentes que recebemos em nossas redes sociais. Assista agora:

Onde encontro as peças genuínas da FPT?

As nossas peças genuínas podem ser encontradas em nossa rede de distribuidores em todo o Brasil e na América do Sul. A nossa rede está preparada para te atender com peças, assistência técnica e serviços especializados. Clique aqui para encontrar o distribuidor mais perto de você! (link)

Que inovações a FPT industrial tem apresentado ao mercado?

A FPT faz parte do Grupo CNH, eleito como uma das 10 empresas mais inovadoras do Brasil! Acompanhando as tendências e aprimorando os processos, lançamos o Gerador GENEF160B BIO, movido a biometano, gás natural comprimido ou gás natural liquefeito. O gerador tem tecnologia que otimiza a combustão e, com isso, reduz o consumo de combustível.

Quais as diferenças entre torque e potência?

A potência é a velocidade em que o motor trabalha. Já o torque é o responsável pela força do motor. É ele que está relacionado à capacidade do motor produzir força motriz, ou seja, movimento giratório. Os dois são complementares! ?

Curtiu? Tem mais dúvidas? Manda pra gente aqui nos comentários! Até a próxima.

Cursor 13 supera 1,2 milhão de quilômetros impulsionando um caminhão da Iveco

O IVECO Stralis, modelo 570S46T, ano 2010 rodou durante quase dez anos pelas estradas do país sem a necessidade de reparos no propulsor de 12,9 litros e com todas as manutenções realizadas na concessionária da marca. Isso porque o caminhão é equipado com o nosso motor Cursor 13, projetado para atender condições extremas em diferentes aplicações. 

Uma das principais características do C13 é o design compacto, leve e de fácil instalação, sem contar que possui uma grande variedade de configurações de pós-tratamento personalizadas. Tudo isso para permitir um alto desempenho com baixo consumo de combustível.

“A relação potência/consumo impressiona. Estou muito satisfeito com a resistência e a robustez do caminhão”, afirma Claudiomiro Schanne, proprietário do caminhão que bateu esta incrível marca de mais de 1,2 milhão de quilômetros.

O motor Cursor 13 está disponível nas versões diesel e gás natural, seguindo todas as normas Euro VI passo A/C.