Geração Millennials contribui para evolução da FPT Customer Experience

Customer Experience (CX), ou Experiência do Cliente, é o conjunto de percepções e impressões que um consumidor possui sobre uma determinada empresa após interagir com ela. Do ponto de vista da marca, é a imagem que ela transmite aos clientes durante o processo completo de interações, antes, durante e após uma conversão, seja ela uma compra ou contratação.

A FPT entende a completa diferença que existe entre os conceitos de atendimento ao cliente e de experiência do cliente.

O atendimento ao cliente envolve a etapa de atendimento durante o processo de compra, ou seja, quando o interessado entra em contato com a marca de alguma forma.

Já a experiência do cliente é bem mais ampla: abrange todas as etapas da jornada do consumidor, desde o momento que conhece a FPT, navega pelo site, blog, redes sociais, entra em contato, conversa com um contato comercial, tira todas as dúvidas e finaliza uma compra, até momentos posteriores, como um eventual atendimento ou suporte pós-vendas, por exemplo.

Por isso, para a FPT, a experiência do cliente é um diferencial no qual a marca busca se destacar, apostando e se empenhando muito em oferecer uma experiência incrível e positivamente inesquecível. Esse compromisso e missão demandam esforço conjunto de todos os setores da empresa e, principalmente, de uma estratégia muito bem definida focada ao público específico da marca.

Para aplicar estratégias de Customer Experience, a marca investe na ampliação e disseminação do conhecimento sobre CX internamente, capacitando e motivando os colaboradores a contribuir para a melhoria permanente da prática.

GERAÇÃO MILLENNIALS

Além disso, no Brasil, as ações em inovação e conhecimento são reforçadas pelo Projeto Geração Millennials, programa voltado as gerações Y e Z que mantém um vínculo permanente da marca com o universo acadêmico. Somente neste ano já foram realizadas palestras técnicas virtuais, de acordo com as medidas de distanciamento, com instituições como PUC Minas, Universidade Federal de Lavras (UFLA) e UNA, campus Contagem, Aimorés e Linha Verde, em Belo Horizonte (MG), além das doações de motores para o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFMG), campus Betim (MG), e um projeto de qualificação de jovens aprendizes mecânicos, mantido pelo Distribuidor Brasif Máquinas em Belo Horizonte.

No mês de janeiro, alunos do Instituto Federal do Norte de Minas Gerais (IFNMG) visitaram a fábrica de Sete Lagoas (MG). Ainda no início de 2020, o time Geração Millennials participou de um treinamento sobre lubrificantes ministrado pela Petronas, em Contagem (MG).

“Na FPT Industrial, incentivamos a formação de futuros especialistas. Acreditamos que criatividade, boas ideias e soluções são valores essenciais. Tecnologia e pessoas de ponta para desenvolver o powertrain do futuro”, afirma Isabela Costa, gerente de Marketing da FPT Industrial para a América do Sul.

CAMPEONATO DE MICROPROJETOS

Unindo a importância da evolução Customer Experience e do Projeto Geração Millennials, em agosto, Marco Rangel, presidente da FPT Industrial, Sérgio Soares, diretor de engenharia e desenvolvimento de produtos, e Mayla Takahashi, gerente de CX, premiaram os projetos ganhadores do Campeonato de Microprojetos de Inovação em CX realizado junto à Geração Millennials. Em um encontro com a equipe de jovens embaixadores da marca, discutiram sobre “Inovação” e quais  os passos para a execução de um projeto CX. Confira quem foram os vencedores do concurso elaborado entre os integrantes do grupo.

Foram 11 microprojetos inscritos que passaram pelo julgamento das três lideranças. João Abreu ficou com a medalha de ouro; Bruno Francisco conquistou a prata. Lucas Frossard e Aline Santos empataram em terceiro lugar com o bronze.

“A classificação é uma forma de motivar. Todos os 11 projetos serão executados, porém com prioridades diferentes”, explicou Bárbara Loureiro, embaixadora de CX. Os concorrentes terão 45 dias para apresentar o status dos projetos para a equipe julgadora.

INOVAÇÕES QUE FOMENTAM O FUTURO

Em conversa com os ganhadores, todos foram incisivos em afirmar que mais importante que os troféus e a premiação é o reconhecimento e a iniciativa em si.

“Para mim, é extremamente gratificante e importante uma empresa dá essa oportunidade para um recém-chegado ao mercado. Principalmente, dar atenção às inovações. Somos nós colaboradores que mais sabemos dos nossos problemas internos e ter a oportunidade de falar e ser ouvido é muito bom!”, diz João Abreu.

“A iniciativa do processo de inovação nos dá o gatilho de poder transformar. Dá liberdade para a gente criar e ter uma experiência diferente dentro da empresa”, comentou Bruno Francisco, do time de Engenharia de Produtos.

Aline Santos e Lucas Frossard empataram no terceiro lugar. Aline que gosta de ser desafiada também acredita nestas oportunidades. “Desafio é comigo mesmo. É a segunda vez que participo de um desafio na empresa. A colocação é só um detalhe, o que vale é a visibilidade e as projeções futuras que isso pode me dar”, diz Aline Santos.

Foto Bruno Francisco

Lucas Frossard, do time de ‘Plataformas’, conta que “essas iniciativas possuem um caráter de grande importância para a empresa, pois além de promoverem a reflexão de como podemos melhorar a experiência do cliente em relação à FPT, também reconhecem e premiam as principais ideias dos próprios colaboradores”.

Estudantes italianos criam projetos inovadores de design para os motores FPT

Inédita parceria com o IED, na Itália, abriu caminho para estudantes desenvolverem projetos inovadores de design para motores

Exercícios em textura, rótulos, formas e cores transmitem a excelência e a exclusividade da marca da CNH Industrial

ENTENDA

Um motor é concebido e pensado não apenas como um fornecedor de potência, mas também como um embaixador da marca, desenhado como “forma de comunicação” dos valores e paixões fundamentais da própria marca.

Embora o foco na estética de um motor não seja prioridade na indústria, a FPT Industrial, sempre buscando inovar, colaborou com o campus de Turim do Instituto Europeu de Design (IED), prestigiada escola fundada em 1966 que atua nos campos de pesquisa e desenvolvimento nas disciplinas de Design, Moda, Artes Visuais e Comunicação, para criar motores inovadores com design artístico único, equilibrado com função e eficiência.

A parceria entre a FPT Industrial e o IED é a primeira do setor. Essa colaboração visa dar visibilidade imediata à qualidade do design e da produção dos motores da marca, ao processo de humanização que garante o uso cada vez mais intuitivo dos produtos e ao retorno à cor vermelha da FPT Industrial, como um símbolo diferenciador de potência e paixão pelo desempenho. Através dos projetos, os estudantes criaram com sucesso exercícios de estilo e criatividade que transmitem a excelência dos produtos e a exclusividade intrínseca da marca.

Desde o fim de outubro de 2019, quatro equipes, cada uma composta por estudantes de produto, transporte e design gráfico, apoiadas por um tutor da empresa, estiveram envolvidas em uma cronograma de visitas à fábrica e conversas intensas com vários gerentes da empresa. O objetivo foi criar conhecimento em primeira mão do mundo da produção de motores e estimular os participantes a interpretar esse mundo com diferentes olhos, direcionando sua criatividade para observar novas direções no design.

A Equipe de Textura foi escolhida para criar uma série de padrões aplicáveis ao corpo dos motores, tornando-o imediatamente reconhecíveis, mesmo que sejam pintados novamente pelos clientes. Isso resultou em propostas que fazem o uso criativo dos logotipos da FPT com temas alusivos ao mundo animal e à transmissão de som no espaço.

A Equipe de Rótulos, por outro lado, decidiu caracterizar os motores da marca adotando uma solução sustentável em todos os aspectos, inclusive do ponto de vista de custo, intervindo em elementos – como a vareta do nível do óleo – que estão sempre visíveis e assumem um significado mais amplo, mas também são mais agradáveis aos olhos se personalizados com o logotipo da marca. A equipe criou ainda um rótulo de plástico reciclado que descreve algumas das características do motor e oferece espaço para conteúdo multimídia.

A Equipe de Formas assumiu o difícil desafio de tornar os motores exibidos em feiras e eventos não somente em peças únicas, diferenciadas e imediatamente reconhecíveis, como também comparáveis à verdadeiras obras de arte contemporânea. A proposta, que prevê a participação de artistas como Cao Fei, uma guru da arte digital, deu origem a uma maneira completamente nova de apresentar produtos e desempenho, comunicando-se ativamente com o público e com os espaços de exibição.

A Equipe de Cores também é digna de nota pela sugestão de decorar algumas partes importantes do motor com uma tinta sensível ao calor que, à medida que a temperatura aumenta, revela detalhes e conteúdos até então invisíveis, dando um forte significado externo ao que acontece dentro do motor.

As equipes compartilharam suas ideias na presença da direção da FPT Industrial e do Centro de Estilo da CNH Industrial.

“Foi muito emocionante e interessante ver esses estudantes se empenhando no nosso setor e experimentando o seu talento no nosso mundo, que por vezes pode parecer focado exclusivamente em tópicos de engenharia. Eles fizeram isso sem preconceitos e com um entusiasmo, uma criatividade e uma vontade incansáveis”, comenta Egle Panzella, diretor da divisão Brand Equity, Sustainability and Heritage da FPT Industrial e gestor de projetos. “Os resultados falam por si, com muitas equipes que não apenas produziram excelentes ideias para conteúdo e viabilidade, como foram além da tarefa designada, explorando uma abordagem multimídia de novas formas e novos mundos onde os motores da FPT Industrial atuarão como protagonistas.”

“As equipes nos surpreenderam com ideias muito originais que demonstram seu esforço criativo para introduzir no motor elementos inspirados nas últimas tendências de design”, afirma Silvio Meoni, diretor do Programa F1A. “Nosso objetivo era justamente receber propostas fora do comum e os alunos exploraram isso sem limitações, deixando-se inspirar, demonstrando como o motor também pode ser um objeto que pode encorajar soluções criativas.”

Saiba mais clicando aqui

Observação: a imagem ilustrativa deste artigo foi tirada antes da pandemia.

Cursor 16: Sustentável, potente e de fácil operação – como um motor marítimo deve ser

Seja para uso comercial ou lazer, o Cursor 16 é compacto e leve, como um motor de 13 litros, mas com a durabilidade de um de 16 litros. É desenvolvido em uma arquitetura de seis cilindros em linha e inclui o sistema de injeção Common Rail de última geração (até 2.200 bar), proporcionando alta densidade de potência e torque (1.000 hp a 2.300 rpm).

O modelo mais novo da linha Cursor é C16 1000, projetado com circuitos específicos de ar, água, óleo e combustível, visando maximizar a confiabilidade e a resistência ao sal e à água. Além de trazer mais conforto durante a navegação, o C16 1000 é um motor sustentável, pois funciona de forma silenciosa, com baixo consumo de combustível e emissões reduzidas. Apresenta também um sistema de respiro fechado para melhor recuperação integral dos vapores de óleo e novos filtros ecológicos para um melhor tratamento de óleos do motor.

Mesmo apresentando estes excelentes padrões, os custos operacionais são bastante competitivos, uma vez que os motores da série Cursor são fáceis de instalar, garantem o máximo de eficiência em cada atividade e os intervalos de manutenção podem chegar a 600 horas.

E não para por ai: todos os motores podem ser personalizados sob demanda, incluindo controle remoto eletrônico e sistemas de monitoramento, por exemplo.

Curiosidade: Cursor 16 no livro dos recordes

O barco de corrida tipo three-point, equipado com um Cursor 16 a diesel, capaz de desenvolver mais de 1.700 hp, quebrou o recorde mundial de velocidade do Guinnes. A façanha de 277,5km/h foi conseguida pelo piloto Fabio Buzzi. O projeto para alcançar o recorde foi uma parceria entre FPT e FB Design.

Clique aqui para assistir aos vídeos do recorde

Especificações do C16 1000

  • Arquitetura: 6 cilindros em linha
  • Sistema de injeção: Common Rail (até 2.200 bar)
  • 2 válvulas Wastegate turbo de água resfriada
  • Tratamento de ar: Estágio único + Aftercooler
  • Válvulas por cilindro: 4
  • Deslocamento: 15,9 l
  • Diâmetro interno x curso: 141 x 170 mm
  • Potência de rotação máxima: 1.000 hp a 2.300 rpm
  • Torque máximo: 3.500 Nm
  • Peso seco: 1.690 kg
  • Dimensões (L/W/H): 1.465 x 1.136 x 1.160 mm

FPT conectada com você

“O seu negócio é prioridade! Por isso, a FPT Industrial está sempre conectada com você! Buscamos conhecer e entender as suas necessidades e agregamos conectividade ao seu negócio. Pensando nisso, disponibilizamos soluções para estarmos sempre próximos.” Explica Rodrigo Fernandes Rocha, Product Support Engines, do setor de pós-vendas da marca.

Através da Central de Atendimento (0800-378-0000) ou do Whatsapp (31 2107-2354), é possível obter informações sobre produtos, dúvidas, peças, soluções em pós-vendas e, até mesmo, ser direcionado para um parceiro. Também é possível falar com algum setor específico. O seu negócio não pode parar. Sabemos que o seu produto precisa estar apto para trabalhar corretamente e atendendo aos níveis exigidos de emissões.

O nosso setor de pós-venda (HGM – Aftermarket Solutions – Powertrain) é formado por uma equipe muito bem treinada e capacitada a entender a urgência, proporcionando soluções rápidas e eficazes.

Rocha destaca: “Falando um pouco mais sobre as nossas opções de conectividade, utilizamos também ferramentas de atendimentos virtuais como o Asist THD e o S.K.I.T.E, que têm como objetivo propor uma ligação direta entre os concessionários. Elas possibilitam tirarmos todas as dúvidas técnicas sobre os produtos, permitindo a realização de uma diagnose em tempo real em conjunto com o concessionário FPT em contato com o equipamento do cliente. Se o técnico no local do equipamento estiver com alguma dúvida técnica, um especialista estará preparado com trobleshooting da respectiva dúvida e com todas as informações necessárias ao lado de um motor na fábrica da FPT. Com essas ferramentas, o time do Suporte ao Produto pode entender de maneira objetiva qual é a dúvida técnica e participar de forma aprofundada nas diagnoses do produto no cliente.”

Além de tudo, a FPT conta também com o atendimento em campo, através do time de Flying Doctors, composto de especialistas. Esses estão ligados diretamente com o cliente no campo, entendendo e propondo uma solução rápida para que o produto esteja apto a trabalho, garantindo a satisfação e produtividade dos nossos clientes.

A satisfação dos nosso cliente é a nossa força impulsionadora! Conte sempre conosco!

Rodrigo Fernandes Rocha

HGM – Aftermarket Solutions – Powertrain

Product Support Engines

Laura Uchôas conta como é participar do Geração Millennials

Temos muito orgulho dos nossos participantes do Geração Millennials, projeto da FPT que aproxima a marca dos universitários. Veja o relato da Laura Uchôas Stumpf, estudante de Engenharia que faz estágio na FPT e já passou por áreas diferentes dentro da empresa:

“ESTÁGIO, palavra que gera aquele frio na barriga em todo estudante de engenharia ao escutar! A busca pela atuação na área de interesse, a expectativa criada em cima de uma oportunidade… tudo isso passa pela cabeça quando se procura por um estágio, principalmente quando não se tem uma experiência profissional prévia. Comigo não foi diferente, ao entrar na FPT era somente uma estudante de Engenharia apaixonada por máquinas pesadas, com muita vontade de aprender e uma vontade atrevida de deixar uma marca na empresa em que sempre tive vontade de trabalhar.

Ao chegar, fui direcionada ao setor de Análise de Valor, e para isso precisava ter um conhecimento mais aprofundado sobre os componentes dos motores. Dessa forma, os técnicos da oficina me treinaram com toda a paciência e delicadeza, principalmente ao explicar todas as minhas dúvidas (e juro que não eram poucas). Também fui treinada pelos colegas da plataforma que me ensinaram tudo o que sabiam, desde o fluxo da empresa até como seriam as técnicas e os métodos de trabalho.

Ao passar do tempo, fui deixando de ser apenas uma estudante de Engenharia e me tornando uma pessoa que poderia contribuir no setor de Análise de Valor, uma pessoa que tinha responsabilidades e tinha que ter postura profissional, pois seria cobrada como tal. Como aprendi nesse setor, como foi maravilhoso trabalhar com profissionais excelentes, apaixonados pelo que fazem e dispostos a contribuir para o meu desenvolvimento profissional! Estava mesmo muito realizada lá, com parceiros de trabalho que não se encontram em qualquer lugar!

Como se não bastasse o sentimento de finalmente estar trabalhando da forma como sempre quis, chegou aos meus ouvidos que tinha um time interno chamado Geração Milennialls que abalou com todas as minhas estruturas, porque era um time que tinha paixão pela empresa assim como eu, mas que não parava apenas na paixão ali dentro da FPT, ele compartilhava esse sentimento e nossos conhecimentos com milhares de pessoas, fazendo ações desde escolas públicas de bairros, até campeonatos de alto rendimento e palestras em universidades renomadas. Seria um sonho? Tudo o que eu amava em uma empresa só! Então lá fui eu me candidatar para fazer parte desse time aliado à minha função de análise de valor, e já fui logo me infiltrando sem nem mesmo darem a resposta, porque queria muito fazer parte de tudo aquilo… e não é que deu certo?! Hoje sou parte desse time que tanto me orgulho!

Mas… quem me conhece, já sabe, eu não consigo ficar parada. Adoro aprender coisas novas, contribuir com ideias novas e com o que mais puder. Eis que surgiu uma vaga de estágio no Design da FPT! Então, pedi para aprender de um novo ângulo, dessa vez mudando de setor para ver como os projetos nasciam, e essa empresa maravilhosa em que amo trabalhar abriu mais uma vez as portas para mim e me deu essa oportunidade de conviver com outra parte da engenharia que eu adoro, que são com projetos e análises dos mesmos. Além diss,o estou em contato com outros profissionais que antes suspeitava ser muito bons e hoje eu tenho a completa certeza de que são excelentes, que alegram o trabalho com bom humor e o companheirismo diário!

Ou seja, eu fui e sou muito feliz de poder fazer parte de uma empresa multinacional em que o clima é uma delícia, em que as pessoas se respeitam, se ajudam e que acima de tudo são sem dúvida alguma, os melhores profissionais do mercado! Em resumo, ter a oportunidade de ganhar conhecimento em duas áreas está sendo enriquecedor para a profissional que desejo me tornar, tenho me sentido cada dia mais engenheira e com vontade de contribuir continuamente para o time FPT. Que venham mais desafios e conhecimentos para serem adquiridos e compartilhados!”

Participante do Geração Millennials publica pesquisas sobre turbocompressor

Geração Millennials é um programa da FPT criado para estimular a proximidade da empresa com os jovens de universidades, identificando talentos que aceleram as soluções inovadoras dos nossos produtos. Estudantes de Engenharia estiveram envolvidos em estudos para analisar a tecnologia do turbocompressor e como ele se comporta em diversas condições. A pesquisa gerou três artigos acadêmicos apresentados em congressos da área. Saiba mais sobre cada um deles abaixo!

No artigo Método de caracterização de turbocompressores baseado em ciclos de condução, Marina Fonda, participante do Geração Millennials, Oscar Sandoval, Vinicius Roso e Ramón Valle pesquisaram sobre a tecnologia do turbocompressor como importante alternativa para fornecer a sobrealimentação para manter a potência e o torque para motores de combustão interna (MCI). O estudo apresenta um método para identificar o comportamento do turbocompressor nas condições habituais. Veja aqui!

Em “Influence of road slopes in the turbocharger’s behavior”, Marina Fonda e Larissa Coelho avaliam a influência que a inclinação das estradas exerce no funcionamento e comportamento do turbocompressor. O estudo simula as características do turbocompressor em um veículo pesado dirigido na estrada considerando dois cenários: uma superfície plana e uma superfície íngreme. Saiba mais aqui!

Oscar Sandoval, Marina Fonda, Vinicius Roso, Roberto Berlin, Ramon Molina Valle e Jose Baêta estudam o comportamento do turbocompressor em um método que pode ser uma ferramenta poderosa para realizar testes experimentais e avaliar os parâmetros operacionais dos turbocompressores. Leia mais no artigo “Computational technique for turbocharger transient characterization using real driving conditions data”.

Dada a largada para 16ª edição da Fórmula SAE Brasil

Nesta semana, estamos apoiando a competição internacional entre estudantes de engenharia, que acontece de 27 de novembro a 1° de dezembro, em Piracibaba (SP).

A ação integra o programa Geração Millennials, que é voltado às novas gerações visando a aproximação com o meio universitário. A Competição Fórmula SAE Brasil é uma das maiores provas entre estudantes de engenharia da América do Sul que avalia na prática o desempenho de carros desenvolvidos por equipes. Durante o evento, que acontece de 27 de novembro a 1° de dezembro, em Piracicaba (SP), a nossa FPT, marca da CNH Industrial, apresentará a palestra Motores de Alto Desempenho para Competição, distribuirá brindes e esclarecerá dúvidas técnicas sobre motores.

Geração Millennials é um programa da FPT Industrial voltado à Geração Y que visa a aproximação com o meio universitário, reforçando o espírito de inovação da marca, pioneira em tecnologias como o sistema de injeção Common Rail. Confira outras ações realizadas pelo programa neste mês de novembro.

Para a edição 2019, a SAE Brasil, entidade realizadora da competição, projeta a participação de cerca de 60 equipes, totalizando mais de 1.000 estudantes de diferentes países do continente.

“Nós, da FPT Industrial, buscamos sempre somar e apoiar o conhecimento universitário. Acreditamos que boas ideias, criatividade e a constante busca por evolução são valores vencedores. Tecnologia e pessoas de ponta para desenvolver soluções de motorização para o futuro”, afirma a gerente de Marketing da FPT Industrial para a América do Sul, Isabela Costa.

SOBRE A COMPETIÇÃO

Criada em 2004, a Fórmula SAE Brasil obteve mais de 1.030 inscritos na última edição em 2018, número que cresce significativamente a cada ano. Durante os quatro dias de competição, os carros desenvolvidos pelas equipes passam por provas estáticas e dinâmicas, avaliando a performance na pista e apresentações técnicas. As provas são pontuadas de maneiras distintas, de forma a garantir que o melhor conjunto de projeto e carro vença a competição. As equipes melhor classificadas ganham o direito de representar o Brasil em duas competições internacionais realizadas nos Estados Unidos.

SERVIÇO

16ª Competição Fórmula SAE Brasil 2019
Quando: 27 de novembro a 1° de dezembro
Onde: Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo – Rodovia SP 135, km 13,5, Piracicaba (SP)
Mais informações:
http://portal.saebrasil.org.br/

FPT Industrial promove o conhecimento entre estudantes de engenharia

Acelerar junto com a formação humana é um dos objetivos da FPT Industrial no desenvolvimento de motores cada vez mais eficientes. Sempre presente e incentivando o conhecimento universitário, a marca da CNH Industrial promoveu, no início do mês de novembro, o FPT Experience em Belo Horizonte. A iniciativa na PUC Minas campus Coração Eucarístico levou aos alunos dos cursos de Engenharia Mecânica, Mecatrônica, Química, Elétrica e Eletrônica, dias de imersão e troca de conhecimento com especialistas do mercado de powertrain.

Já nesta quarta-feira, dia 20 de novembro, oferece palestra especial na Faculdade Ciências da Vida, em Sete Lagoas.

FPT EXPERIENCE NA PUC MINAS

Foram 12 palestras com temas voltados à soluções em novos combustíveis, diagnose em motores eletrônicos, evolução da eletrônica veicular, planejamento e desenvolvimento de novos motores, tecnologias de tratamento de emissões e análise de performance de motores.

Além das apresentações é exposto o motor FPT Cursor 13, utilizado em aplicações On-Road, de transporte de cargas, Off-Road, para máquinas agrícolas e de construção, geração de energia e marítimo.

PALESTRA NA FACULDADE CIÊNCIAS DA VIDA

Nesta quarta-feira, dia 20 de novembro, das 19h30 às 21h, na Faculdade Ciências da Vida, em Sete Lagoas (MG), será realizada a palestra “Motores a gás de alta performance e tecnologias FPT em propulsão alternativa”. O evento faz parte da programação da I Semana das Engenharias, organizada pela Faculdade. O especialista de Marketing de Produto André Faria estará desmistificando sobre o mundo dos motores, conceituando os motores a gás e explicando a tecnologia presente nesses motores e as novas tecnologias em propulsão alternativa. A participação é aberta aos estudantes de engenharia e todos os interessados presentes.

INOVAÇÃO E CONHECIMENTO PARA O FUTURO

O FPT Experience integra o Geração Millennials, programa da FPT Industrial voltado à Geração Y que visa a aproximação com o meio universitário, reforçando o espírito de inovação da marca, pioneira em tecnologias como o sistema Common Rail.

“Nós, da FPT Industrial, buscamos sempre somar e apoiar o conhecimento universitário. Acreditamos que boas ideias, criatividade e a constante busca por evolução são valores vencedores. Tecnologia e pessoas de ponta para desenvolver soluções de motorização para o futuro”, afirma a gerente de Marketing da FPT Industrial para a América do Sul, Isabela Costa.

SERVIÇO

PALESTRA: Motores a gás de alta performance e tecnologias FPT para propulsão alternativa
Com: André Faria
Onde: Faculdade Ciências da Vida, Sete Lagoas, MG
Quando: 20 de novembro, quarta-feira, das 19h30 às 21h
Aberta a todos os interessados. Inscrições gratuitas via site do Sympla.

FPT Experience
Quando: 5 a 7 de novembro
Onde: Prédio 43 da PUC Minas Coração Eucarístico – Av. Dom José Gaspar, 500, Belo Horizonte (MG)

5 componentes essenciais do seu motor FPT

Conheça 5 peças importante de um motor FPT

Você conhece profundamente o seu motor FPT, as peças e suas principais funções? A nossa linha de produtos é muito vasta. São mais de seis famílias de motores, com potências que variam de 20 a 820 cavalos. Todos campeões em design, benefícios e durabilidade.

Existem diversos componentes dentro de cada um deles,  com papeis específicos. Todos em constante transformação porque a FPT investe em incansável pesquisa e desenvolvimento para obter sempre a melhor tecnologia, materiais e processos. Justamente para levar até você os melhores motores.

Alguns desses componentes são essenciais para garantir o bom funcionamento e a potência. Neste vídeo, Ana Luiza Maia e  Gabriela Ferreira, estudantes de engenharia de materiais e estagiárias de plataforma da nossa Geração Millennials, apresentam peculiaridades de cinco deles:

1) Cárter

2) Pistão

3) Biela

4) Cabeçote

5) Coletor de escape

Dê um play neste papo com potência e entenda melhor sobre cada um e por que são tão importantes no desempenho do seu motor FPT:

Ainda ficou com alguma dúvida? Fale com a gente! Envie um e-mail para papocompotencia@fpt.com.brPara acompanhar nossas novidades, curta a nossa página no Facebook e siga nosso perfil no Instagram.

Conheça as principais diferenças entre motores Otto e motores Diesel

As diferenças entre motor diesel e motor otto

Você sabe quais as diferenças entre o motor de um carro e o motor de um caminhão ou trator? Apesar de estarem muito próximos, eles operam de maneira distintas. Os motores (chamados Ciclo Otto) dos veículos leves são movidos a gasolina ou etanol. E os motores (Ciclo Diesel), dos veículos com capacidade de carga acima de uma tonelada, são movidos a diesel. Mas não é somente por isso que eles se diferenciam.

Cada tipo possui componentes distintos, um processo de combustão específico e mecânica de funcionamento própria. No vídeo abaixo, os nossos estagiários Millennials , Marina Fonda e Gustavo Vilela, buscam explicar detalhadamente essas diferenças. Confira:

A FPT é focada em tecnologia e inovação de motores e geradores utilizados em grandes aplicações. Nossos motores equipam máquinas agrícolas, caminhões e ônibus, máquinas de construção e embarcações.

Desejando saber ainda mais, continue esse papo de potência através do e-mail papocompotencia@fpt.com.br. Será um prazer falar com você!